As cookies são importantes para o correto funcionamento deste site e são usadas para melhorar a sua experiência. Clique em OK para as aceitar e avançar ou consulte a nossa política de privacidade para ver a descrição detalhada do tipo de cookies que usamos.

OK
pt
Newsletter
glossario

saber mais

Porque devemos ler alto para as crianças?

Um ambiente emocionalmente seguro, em que se ouve uma história, fortalece a motivação para a leitura, desenvolvendo a consciência de que a partir dos textos escritos podemos aprender, podemos divertir-nos e podemos ocupar o nosso tempo de forma agradável.

O prazer que se retira da leitura é um importante fator de estímulo de aprendizagem da leitura e de desenvolvimento pessoal.

Os textos escritos têm sempre uma maior diversidade de palavras do que aquela que utilizamos na oralidade. Assim, ouvir ler é uma das formas de ampliar o conhecimento de palavras e do mundo. A construção de frases e a organização do discurso também beneficiam do contacto com a escrita.

 

Com que frequência devo ler para o meu filho?

Sempre que possível!

Pelo menos, uma vez por dia. Crie um espaço e tempo aprazíveis, sem distrações que concorram com a leitura, e invista em tempo de qualidade com a criança.

 

Quem deve ler para as crianças?

Todos os adultos que contactam com a criança podem, e devem, ler-lhe. É bom que a criança perceba que a leitura é importante para uma grande parte dos adultos que conhece e que não é uma atividade restrita a um único contexto: ouvir ler em casa, na escola, em casa dos avós, em vários espaços conhecidos, deve ser o objetivo. 

 

Como posso escolher livros de qualidade para ler ao meu filho?

Há uma enorme variedade de livros infantis disponíveis no mercado, muitos de grande qualidade. Por isso, a escolha torna-se difícil.

No âmbito do Programa AaZ - Ler Melhor, Saber Mais foram selecionados alguns livros tendo em conta a variedade da forma (poesia, narrativa e informação) e a qualidade do texto. O impacto de ouvir ler é maior, na linguagem, quando se varia a «dieta».

Na página do Programa Nacional de Leitura é possível pesquisar livros recomendados, que foram avaliados por especialistas.

Tenha em atenção que a idade sugerida para a leitura se baseia no domínio que a criança tem da técnica de leitura e não na sua capacidade de perceber o que ouve. Habitualmente, as crianças conseguem compreender e apreciar textos muito mais extensos e elaborados do que a sua capacidade de leitura independente permite.

Esta característica é uma das razões pelas quais se recomenda que continuemos a ler para as crianças, mesmo depois de elas já serem capazes de ler sozinhas.

 

O meu filho quer ouvir sempre a mesma história. O que devo fazer?

As crianças mais pequenas apreciam a rotina da audição da sua história favorita. Queremos que a leitura seja um bom momento no seu dia, pelo que não se justifica contrariá-las.

Mas é importante variar o conteúdo. Sugerimos que faça a leitura que a criança pede e depois proponha, por exemplo: «Queres ouvir uma história nova ou queres dormir?» É pouco provável que a criança não aceite a proposta de mais uma história!

 

O meu filho está no primeiro ano e troca algumas letras? O que devo fazer?

No início do primeiro ano, pode acontecer que a criança troque algumas letras.

Afinal, está a começar a aprendê-las. No entanto, é preciso estar atento e ajudá-lo a fixar cada uma das letras novas que vai aprendendo, à medida que vão sendo introduzidas na escola.

Há diversos jogos que os pais podem fazer com os filhos: as letras magnéticas que se colocam no frigorífico, enquanto o pai ou a mãe cozinham, ou a identificação das letras das matrículas dos carros durante uma viagem, podem ser alternativas úteis.

 

Quando é que uma criança deve conhecer as letras todas?

Aprender as letras não é uma aprendizagem natural, que acontece espontaneamente e apenas pela maturação desenvolvimental.

Aprender as letras depende do contacto que a criança tem com elas e da informação que recebe acerca delas. Ou seja, aprender as letras é uma conquista social, que depende do ensino, e não do desenvolvimento ou da biologia.

Dependendo das experiências culturais, as crianças podem aprender todas as letras antes da entrada na escolaridade obrigatória, ou apenas no 1º ciclo. No entanto, depois de iniciada a instrução formal, a maior parte aprenderá todas as letras durante os primeiros seis meses do ano escolar.

 

Qual deve ser o ritmo de leitura no final do primeiro ano?

No final do 1.o ano a criança deverá ler cerca de 55 palavras por minuto.

De acordo com as Metas Curriculares de Português do Ensino Básico, 1º Ciclo , no final do 1º ano a criança deverá ler cerca de 55 palavras por minuto, num texto adequado à sua idade, com articulação e entoação razoavelmente corretas. Embora possa haver alguma variação, este poderá ser um valor de referência.

A plataforma Ainda estou a aprender disponibiliza alguns materiais úteis para a avaliação da leitura.

Guia para pais - Já contou uma história ao seu filho, hoje?

download

AUTOR

Iniciativa e Educação

NA

Receba as nossas novidades e alertas

Acompanhe todas as novidades.
Subscrever