pt
Newsletter
glossario

saber mais

As atividades de escrita são uma forma de atenuar o potencial efeito negativo das férias na literacia infantil. Destas, a publicação regular de breves textos, em formato de blogue, pode ter efeitos desejáveis na aprendizagem dos jovens, como nos diz um artigo científico publicado recentemente.

As férias são um período controverso no percurso de aprendizagem dos mais jovens. Como vários estudos têm mostrado, as pausas escolares abrem caminho a que as crianças esqueçam o que aprenderam. Dos melhores aos piores alunos, quanto maior for a interrupção letiva, maior a potencial perda no progresso de aprendizagem – especialmente no domínio da leitura e da escrita.

Um estudo recente, levado a cabo na Nova Zelândia, sugere que a criação de um blogue – ou seja, a publicação regular de breves textos numa plataforma digital, com possibilidade de partilha entre os pares – pode ser uma forma de atenuar este efeito negativo das férias.

O estudo considerou os efeitos desta atividade de escrita no desempenho de alunos do 2.º ao 11.º ano de escolaridade, concluindo que o impacto negativo da pausa escolar era maior nos alunos do grupo de controlo, que não participaram na atividade de escrita de blogues. Ao mesmo tempo, um maior envolvimento, com publicação mais frequente, também revelou ter um efeito positivo na aprendizagem destes alunos.

Isto confirma o que já se sabe sobre os efeitos desejáveis das atividades de escrita na aprendizagem dos mais novos. E, sobretudo, que não basta ler. Devemos incentivá-los a escrever para aprender a ler, se queremos que realmente aprendam e se desenvolvam.

Receba as nossas novidades e alertas

Acompanhe todas as novidades.
Subscrever